Home Movimento Coração de «A» a «Z» Iniciativas Casos da Vida Imprensa Loja Mulheres de Vermelho Promotores

 
 Home  Cuide de si
Cuide de si

Faça exercício regularmente

A actividade física pode salvar a vida, literalmente. Os benefícios de exercitar o corpo durante 30 a 60 minutos por dia, vários dias por semana são muitos:

- reduz o risco de doenças cardiovasculares;
- ajuda a controlar e a prevenir factores de risco como a pressão arterial alta, o colesterol elevado e a obesidade;
- ajuda a baixar os níveis de stress;
- aumenta a energia;
- melhora o sono e a digestão;
- melhora o bem-estar geral e estimula a procura de estilos de vida mais saudáveis;
 
Os benefícios podem começar a fazer-se sentir na primeira semana de actividade física regular. Por exemplo, a pressão arterial pode começar a baixar e talvez se sinta mais energético e relaxado. Passados três meses, poderá sentir-se com mais saúde, com uma postura mais correcta, músculos e ossos mais fortes, mais confiante e com uma perspectiva mais positiva em relação à vida.
 

Mantenha uma alimentação saudável

Este é um dos aspectos mais importantes para manter ou melhorar a sua saúde.
Alimentar-se de forma equilibrada, têm muitos benefícios:

  • ajuda a controlar o seu peso;
  • ajuda a reduzir o risco de doenças cardiovasculares e de acidentes vasculares cerebrais (AVC);
  • melhora as hipóteses de sobrevivência, após um ataque cardíaco;
  • ajuda a reduzir a tensão arterial para níveis mais baixos;
  • baixa os níveis de colesterol no sangue;
  • melhora o controlo dos níveis de açúcar no sangue;
  • ajuda a proteger contra a diabetes, tipo 2;
  • ajuda a proteger contra alguns tipos de cancro;
Enfim, uma alimentação saudável contribuiu também para sentir-se bem, dar-lhe mais energia e vitalidade.

O que é uma alimentação saudável?

Encontrar o equilíbrio
Uma alimentação saudável contém muitos vegetais e frutas, hidratos de carbono como pão de mistura, massa e arroz, lacticínios magros ou meio gordos, mais peixe do que carne, água à discrição e contém pouca gordura (especialmente a gordura saturada), sal e açúcar.

Frutas e vegetais – nunca é demais
Está comprovado que consumir muita variedade de vegetais e fruta baixa o risco de doenças cardiovasculares. Estes alimentos são ricos em fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes fundamentais à protecção da saúde. Faça por consumir, pelo menos, cinco porções por dia destes alimentos (veja a
Roda dos Alimentos). Dê preferência aos alimentos frescos ou congelados.

Gordura e colesterol no sangue
Baixar o consumo de gordura pode ajudar a reduzir o nível de colesterol no sangue. Gorduras saturadas provenientes de carnes gordas, bolachas, bolos e lacticínios gordos e as gorduras tipo “trans”, resultantes do processamento dos alimentos a temperaturas elevadas, aumentam os níveis de colesterol, sobretudo o “mau” colesterol contribuindo para o entupimento das artérias.

Peixes gordos são bons
Comer peixe gordo regularmente pode ajudar a reduzir o risco de doenças do coração e melhorar as hipóteses de sobrevivência após um ataque cardíaco. Os ácidos gordos omega 3 que se encontram nos peixes mais gordos, como o salmão, atum, cavala e a sardinha, ajudam a regular os batimentos do coração, melhoram a resistência dos vasos sanguíneos e previnem a formação de coágulos de sangue nas artérias coronárias.
É recomendável consumir peixes gordos 3 vezes por semana.

Reduza o sal
Um dos componentes do sal de cozinha é o sódio, com responsabilidade na hipertensão arterial.
A redução do sal na comida ajuda a manter a tensão arterial mais baixa. Cozinhar com pouco sal é importante, mas tenha também em atenção que muitos alimentos processados como o pão, alimentos pré-cozinhados, batatas fritas, aperitivos, bolachas, bolos e cereais de pequeno-almoço têm sal “escondido”, para intensificar o sabor. Aprenda a ler os rótulos dos alimentos.

Modere o consumo de álcool
O consumo elevado de álcool pode afectar gravemente o músculo do coração, aumentar a pressão sanguínea e levar ao aumento de peso. Embora o consumo baixo a moderado de álcool (no caso dos homens dois copos de 1,5dl por dia, no caso das mulheres um copo de 1,5dl por dia) possa ajudar a proteger o coração dos homens com mais de 40 anos e das mulheres que passaram pela menopausa, não esqueça que pode ser benéfico, apenas nestas “pequenas” quantidades. Consumos superiores não são benéficos, muito pelo contrário. Não se esqueça, ainda, que água é a melhor bebida e a única que verdadeiramente “mata” a sede.
 
Fonte: Fundação Portuguesa de Cardiologia
Mulheres de Vermelho
 
Outras Informações
 
Ana Almeida
Contacto: 21 8410026
Links Úteis


www.fpcardiologia.pt 
 


http://www.fpcardiologia.pt/fact.html


http://www.fpcardiologia.pt/sina.html


www.fpcardiologia.pt/cuidedesi_1.html


www.fpcardiologia.pt/cuidedesi_21.html


http://www.teleculinaria.pt/newslist.aspx?menuid=67

 

 
 
Apoie Fundação Portuguesa de Cardiologia
 
Newsletter
Deseja aderir à nossa newsletter?
Insira o seu email e fique a par de
todas as novidades das
Mulheres de Vermelho
Copyright © 2010 Mulheres de Vermelho - Todos os direitos reservados Adicionar aos Favoritos | Recomendar Site | Política de Privacidade   
Alojado por Acidados